Busca

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

OLIMPÍADAS DE SANGUE


Sebastião Nery

Fernando Martins, jornalista, diretor da ANJ (Associação Nacional de Jornais) no Rio, conhecia o Salgueiro de “Chão de Estrelas” de Orestes Barbosa e Sílvio Caldas. Ia passando na boca do morro, um velho e um rapaz carregavam uma moça.

– O que é que ela tem?

– Está passando mal. Vamos levar para o hospital do INSS em Andaraí.

– Entrem aqui no meu carro.

E Fernando Martins saiu em disparada para o Hospital de Andaraí.

Branca como uma nuvem, os olhos enormes saltando das pálpebras roxas, a moça tossia desesperadamente. O rapaz apertava a cabeça dela contra o peito e pedia baixinho:

– Calma, Gracinha, calma.

Trânsito ruim, Fernando furava o sinal, dava contramão, guardas apitando, anotando.

Ligou o rádio para distrair a moça. Elisete Cardoso cantava “Chão de Estrelas”:

- “Minha vida era um palco iluminado / Eu vivia vestido de dourado

Palhaço das perdidas ilusões.”

E a moça tossindo, sufocada.

E Elisete cantando:

         – “Cheio dos guizos falsos da alegria / Andei cantando minha fantasia / Entre as palmas febris dos corações.”.

A moça deu um gemido fundo, grunhiu forte.

O rapaz, desesperado, o rosto lavado de sangue que saia do peito dela, golfadas esguichando, ensopando o tapete do carro.

E Elisete cantando:

– “A porta do barraco era sem trinco / e a lua furando nosso zinco / salpicando de estrelas nosso chão. / Tu, tu pisavas nos astros distraída / sem saber que a ventura desta vida / é a cabrocha, o luar e o violão.”

O velho apenas bateu com a cabeça. E passou os dez dedos calosos na testa da filha. O rapaz ficou soluçando baixinho, contido, beijando as pálpebras roxas. Tinha nos olhos o espanto dos loucos. E Elisete cantando:

- “Meu barraco no Morro do Salgueiro / Tinha o cantar alegre de um viveiro. /Foste a sonoridade que acabou./ E hoje, quando do sol a claridade / Forra meu barracão sinto saudade / Da mulher, pomba-rola que voou.”

Depois da correria, Fernando Martins chega ao hospital do INSS, em Andaraí. A moça tinha recebido alta algum tempo antes naquele mesmo hospital. Voltava morta. Apenas 21 anos, uma filha de dois meses. Comida pela tuberculose, a doença da fome.

Elisete já não cantava “Chão de Estrelas”.

O jogo tem que mudar. O relativo sucesso esportivo e cultural das Olimpíadas e das Paralimpíadas no Rio de Janeiro, de 2016, não pode apagar os desmandos e as roubalheiras de autoridades e dos dirigentes das federações esportivas brasileiras. A governança das entidades e de muitos clubes no Brasil é um desastre. Uma vergonha! Pelo menos duas ações devem ser imediatamente apoiadas diante de tão grande número de escândalos no COI, na CBF e outras entidades: primeiro a apuração total e irrestrita da malversação dos recursos financeiros. E, segundo, buscar uma lei que limite ao máximo em dois mandados cada cargo de dirigente de federação e de time de futebol. Nada melhor para a gestão do que alternância de poder.

É hora de fechar o ralo do desperdício e da roubalheira para realizar as Olimpíadas da Saúde, da Educação, da Segurança, do Saneamento e da Pobreza. A vida do povo está em jogo.


Logo a Gleisi!... Até quando meu Brasil?


Minha manhã, da manhãzinha de hoje, entre os mares atlânticos de Upaon-Açu...

Hélcio Silva

(16 / 10 /2017)

Publiquei no blog, nesta manhã, a bela poesia do consagrado poeta Francisco Tribuzi, gente daqui do Maranhão... Uma poesia linda!...

Em seguida, ainda nesta manhã, vou ao blog do Esmael e vejo um artigo da senadora Gleisi Hoffmann..

É duro acreditar!... Eles - os políticos - continuam enganando o povo... E a Gleisi faz parte do time!...

O Brasil não merece tanta mentira!

O artigo é pouco longo; porém, não tão curto, com data de ontem (16 de outubro de 2017)...

Busquei bons ventos pra não morrer sufocado..., durante a leitura!

Orei e pedi luz para o nosso País, para o povo brasileiro.

Vejam meus amigos – agora - este pequeno texto que ela - a senadora - colocou no artigo:

- Mais do que nunca, nesses 37 anos desde a sua fundação, o Brasil precisa do Partido dos Trabalhadores (PT). Precisa que o PT responda com firmeza aos ataques contra o estado democrático de direito e que seja também um sinalizador da esperança e da ação transformadora, capazes de reverter os retrocessos em curso no País. - ( afirmou a senadora Gleisi Hoffmann, na sua escritura política).

*******

Meu Deus!... Pergunto aos Santos de Todos os Dias: O que vou dizer aos meus filhos, aos meus netos?... O que vou dizer aos que estão nascendo hoje?...

Logo a Gleisi!... Que pena!...

O texto da Gleisi é confuso, mas deu pra gente entender: ela acha e pensa que a salvação está no PT... Só o PT salva!...

Logo o PT que foi o maior responsável pelo caos!...

Sonho



Francisco Tribuzi

Um sonho esquisito, me leva... leve
Por caminhos nebulosos... já trilhados
Onde nuvens envelhecidas pela neve
das penumbras assombrando meu passado

Um sonho, de tudo, diferente
Quanto eu já tenha sonhado
Um sonho do passado, no presente
Que se sonha... acordado

Acordei alheio...  sobressaltado
O que esse sonho, enfim me traz
Um segredo atormentado
Do passado que não volta mais

Mais um sonho que me leva
Ou, feito armadilha, me traz
Pesadelos na solidão da treva
Como se sonhasse nos umbrais

Mas o sonho é um mensageiro
Talvez do que nem foi vivido
Somos dele, eterno passageiro
Nas viagens do tempo... perdido!


domingo, 15 de outubro de 2017

Podemos sim!


Crônica do Amanhecer

Hélcio silva

(15/10/2017)

Eu posso fazer tudo que apetecer?... 

E o que apetece tanto?...

Tudo que venha do desejo... Porém, nem tudo podemos fazer!...

O crivo da razão precisa funcionar para o bem, nesta luta entre o bem e o mal.

Fazer o bem, sem olhar a quem... Ou fazer o mal sem olhar a vítima...

Na política brasileira de hoje – nesse corpo de fortes desejos e interesses – o segundo exemplo é o mais seguido... Fazer o mal sem olhar a vítima... E a vitima é sempre o povo...

O último exemplo é o podemos... E o podemos descobriu que pode sim!... Pode levar quase 4 milhões  do Fundo Partidário...

Esse FP é F...

Tudo dinheiro tirado da gente para fundos partidários de políticos... E os políticos agradecem...

Nesse jogo, tem até partido pequeno de fundo grande!

Descobri agora que o ex-Partido Trabalhista Nacional (o PTN), atual “Podemos”, tem cerca de 160 mil filiados, segundo dados do TSE, sendo o 12º menor partido do país; mas já levou do fundo partidário R$3,9 milhões de janeiro a setembro. 

Nós podemos!... Podemos sim! - dizem  os podemos, em largos sorrisos!

E ainda afirmam por aí que não podemos escrever crônicas curtas.

Mas podemos protestar sim, em pequenas crônicas, contra essa manobra de ter dinheiro somente para os políticos do fundo; e não haver o dinheiro para a Educação, para a Saúde, para Segurança ou para outros setores de interesse público...

E assim lutaremos contra isso, porque podemos!... Podemos sim!

Avante!... A luta continua!

sábado, 14 de outubro de 2017

Alma ou Espírito?



Crônica do Amanhecer

Hélcio silva

(14/10/2017)

Amanheci o dia de hoje com o anúncio de “vem aí o horário de verão” – Já começa a partir de 0h desde domingo. Mas não fiquei muito centrado neste assunto... Saí por aí catando vento e vi no site da Márcia a indicação de chá de rosas vermelhas para o amor... É banho matinal de chá de rosas vermelhas para animar o Amor!

Deixei de lado o chá da Márcia.

Leio profundo texto sobre diferenças entre Anjo da Guarda, Mestre, Mentor e Guia Espiritual... Textos outros lidos nesta ou em outras ocasiões, dependendo da origem religiosa ou da tendência filosófica do autor (ou autores), encontramos divergências...

Já li que espírito é a alma encarnada e que, quando desencarna, volta a ser espírito: de novo Espírito!

Coisa complicada, creio eu!

Estando a crer ou não creio, pouco importa. Só a crença não vale: precisa ter base científica.

Seres espirituais de elevado saber disseram ao filósofo Hippolyte Léon Denizard Rivail, durante alguns bons tempos do século 19, que a alma é um espírito escarnado; e que esta alma, antes de unir-se ao corpo, era Espírito.

É coisa migratória!...

Fazemos migração periódica: somos aves migratórias!... Uns dias ou anos estamos cá, no mundo físico da terra; noutros estaremos por lá, no mundo espiritual.

Somos almas aqui e espíritos lá...

Não sei, com certeza, qual o momento mais legal: se como alma ou como espírito...

Mas estou indo tomar meu café da manhã... Antes, preciso dizer aos meus queridos amigos e queridas amigas, que lá, no mundo espiritual, não tem a cervejinha gelada, nem mesmo pra festejar a queda do Cuca!...

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Mensagem do Papa Francisco aos brasileiros pelos 300 anos de Aparecida


Cidade do Vaticano (RV) – “Não se deixem vencer pelo desânimo. Confiem em Deus, confiem na intercessão de nossa Mãe Aparecida.” Esta é a exortação do Papa Francisco ao povo brasileiro, no dia em que a nação celebra a sua Padroeira.

O Pontífice gravou uma videomensagem, em português, em que recorda sua visita ao Santuário Nacional, em 2013. “Naquela ocasião, inclusive, manifestei meu desejo de estar com vocês no ano jubilar; mas a vida de um Papa não é fácil.”

Com “saudades” do país, Francisco conclui a mensagem com um encorajamento: “O Brasil, hoje, necessita de homens e mulheres que, cheios de esperança e firmes na fé, deem testemunho de que o amor, manifestado na solidariedade e na partilha, é mais forte e luminoso que as trevas do egoísmo e da corrupção”.

Texto da mensagem do Papa Francisco

Querido povo brasileiro

Queridos devotos de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil

Minha saudação e minha bênção especial para todos vocês que estão vivendo em Cristo Jesus o Ano Mariano do Jubileu dos 300 anos do encontro da Imagem da Virgem Mãe Aparecida nas águas do Rio Paraíba do Sul.

Em 2013, na ocasião de minha primeira viagem apostólica internacional, tive a alegria e a graça de estar no Santuário de Aparecida e rezar aos pés de Nossa Senhora, confiando-lhe o meu pontificado e lembrando o povo brasileiro com a acolhida tão calorosa, que vem do seu abraço e coração generoso. Naquela ocasião, inclusive, manifestei meu desejo de estar com vocês no ano jubilar; mas a vida de um Papa não é fácil. Por isso, quis nomear o Cardeal Giovanni Battista Re como Delegado Pontifício para as celebrações do dia 12 de outubro. Confiei a ele a missão de garantir assim a presença do Papa entre vocês!

Ainda que não esteja fisicamente presente, quero entretanto, por meio da Rede Aparecida de Comunicação, manifestar meu carinho por este povo querido, devoto da Mãe de Jesus. 

O que deixo aqui são simples palavras, mas desejo que vocês as recebam como um fraterno abraço nesse momento de festa.

Em Aparecida – e repito aqui as palavras que proferi em 2013 no altar do Santuário Nacional – aprendemos a conservar a esperança, a deixar-nos surpreender por Deus e a viver na alegria. Esperança, querido povo brasileiro, é a virtude que deve permear os corações dos que creem, sobretudo, quando ao nosso redor as situações de desespero parecem querer nos desanimar. Não se deixem vencer pelo desânimo. Não se deixem vencer pelo desânimo. Confiem em Deus, confiem na intercessão de nossa Mãe Aparecida. 

No Santuário de Aparecida e em cada coração devoto de Maria podemos tocar a esperança que se concretiza na vivência da espiritualidade, na generosidade, na solidariedade, na perseverança, na fraternidade, na alegria que, a sua vez, são valores que encontram a sua raiz mais profunda na fé cristã.

Em 1717, quando foi retirada das águas pelas mãos daqueles pescadores, a Virgem Mãe Aparecida já os inspirou a confiar em Deus que sempre nos surpreende. Peixes em abundância, graça derramada de modo concreto na vida dos que estavam temerosos diante dos poderes estabelecidos. Deus os surpreendeu. Pois. Aquele que nos criou com amor infinito, nos surpreende sempre! Deus nos surpreende sempre!

Nesse Jubileu festivo em que comemoramos os 300 anos, daquela surpresa de Deus, somos convidados a sermos alegres e agradecidos. “Alegrai-vos sempre no Senhor” (Fl4,4). E que essa alegria que irradia dos seus corações transborde e alcance cada canto do Brasil, especialmente as periferias geográficas, sociais e existenciais que tanto anseiam por uma gota de esperança. O singelo sorriso de Maria, que conseguimos vislumbrar em sua imagem, seja fonte do sorriso de cada um de vocês diante das dificuldades da vida. O cristão jamais pode ser pessimista! O cristão jamais pode ser pessimista!

Por fim, agradeço ao povo brasileiro pelas orações que diariamente me oferecem, especialmente durante as celebrações da Santa Missa. Rezem pelo Papa e tenham certeza de que o Papa sempre reza por vocês. Juntos, de perto ou de longe, formamos a Igreja, 

Povo de Deus.  Cada vez que colaboramos, ainda que de maneira simples e discreta, com o anúncio do Evangelho, tornamo-nos, assim como Maria, um verdadeiro discípulo e missionário. E, o Brasil, hoje, necessita de homens e mulheres que, cheios de esperança e firmes na fé, deem testemunho de que o amor, manifestado na solidariedade e na partilha, é mais forte e luminoso que as trevas do egoísmo e da corrupção.

Com saudades do Brasil, com saudades do Brasil, concedo-lhes a Bênção Apostólica, pedindo a Nossa Senhora Aparecida que interceda por todos nós!

Assim seja.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

História de Nossa Senhora Aparecida

Fonte - Nossa Sagrada Família


Nossa Senhora Aparecida

A virgem Santa, mãe de Jesus Cristo, apareceu em diversas localidades ao redor do mundo em momentos importantes da história. Graças à misericórdia de Deus, Maria apareceu no Brasil na forma de uma imagem negra, na época em que a escravidão no país estava em alta.

Maria foi proclamada Nossa Senhora da Conceição Aparecida, Rainha do Brasil, em 16 de julho de 1930 pelo papa Pio XI. O Brasil rende-se ao amor incondicional da “Mãe negra” no dia 12 de outubro, data que marcou, em 1980, a proclamação de feriado e consagração do Santuário Nacional de Aparecida pelo Papa João Paulo II.

História da Padroeira do Brasil

A aparição da imagem de Nossa Senhora de Aparecida ocorreu em 1717, época das Capitanias Hereditárias. O governante das capitanias de São Paulo e Minas de Ouro estava de passagem pelo Vale do Paraíba, mais precisamente por Guaratinguetá. Animados com a visita, o povo daquela localidade resolveu fazer uma festa de boas-vindas e para isso chamaram três pescadores, Domingos Garcia, João Alves e Filipe Pedroso para lançar as redes no rio e pescar bons peixes.

O fato era que, naquela época, meados de Outubro, não era tempo de peixes. Porém, como não podiam contradizer o pedido, rezaram pela proteção e benção da Virgem Maria e de Deus para que pudessem voltar à terra firme com fartura. Depois de inúmeras tentativas sem sucesso, eis que surpreendentemente eles pescaram o corpo de uma imagem. Curiosos, lançaram novamente as redes e “pescaram” uma cabeça que se encaixou perfeitamente ao corpo. Depois deste encontro, que nos dias de hoje é representado em todo o Brasil no dia 12 de outubro emocionando os fieis, o barco se encheu tanto de peixes que ele quase virou!

A partir daí, a devoção da Santa foi se espalhando. Primeiro nas casas, depois se construiu uma capela, depois uma basílica, até chegar ao quarto maior santuário do mundo, o Santuário Nacional de Aparecida localizado na cidade de Aparecida, interior do Estado de São Paulo.

Milagres de Nossa Senhora Aparecida

Milagre das Velas


Milagre das Velas - Segundo relata a história de Fé, em um dos momentos de devoção dos primeiros devotos de Nossa Senhora Aparecida, as velas que iluminavam o local repentinamente se apagaram. As pessoas ficaram atônitas com o ocorrido e começaram a entrar em pânico. Mas passado pouco tempo, as velas milagrosamente acenderam-se novamente ao bater do vento.

Milagre: A libertação do escravo Zacarias


A libertação do escravo Zacarias - Nossa Senhora de Aparecida Como se sabe, o encontro da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida aconteceu em um momento triste da história do Brasil: a escravidão. O povo negro sofria nas mãos dos donos das terras. A “Mãe negra” veio para dar uma lição de vida e amor ao próximo.

Foi o que aconteceu com o escravo Zacarias, que havia fugido de uma fazenda do Paraná e era caçado por todos os cantos, até ser encontrado no Vale do Paraíba.

Preso, Zacarias acorrentado nos pulsos e nos pés. O caminho de volta passava próximo à capela que havia sido construída para a imagem de Nossa Senhora Aparecida.
Então, o escravo pediu permissão ao seu caçador para rezar diante da imagem.

Incrédulo, o caçador deixou. A fé de Zacarias foi tamanha que milagrosamente as correntes se romperam, deixando-o livre. Diante do milagre, o caçador acabou por libertá-lo.

Milagre: O cavaleiro ateu


O cavaleiro ateu Desde que a imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada, e ao longo da história, muitos espaços foram construídos para que a devoção à “Mãe negra” pudesse acontecer. Esses locais sempre recebiam grande número de pessoas que colocavam nas mãos da Mãe de Deus a vida. Mas também era destino de muitos incrédulos.

Esse milagre aconteceu com um deles. Passando por Aparecida e vendo a fé dos romeiros, zombou e tentou entrar na Igreja a cavalo para destruir o local e alcançar a imagem. Porém, o que esse cavaleiro não esperava era que as patas do animal ficassem presas em uma pedra. A partir daí, o homem passou a acreditar.

A pedra em que o cavalo ficou preso pode ser vista na Sala dos Milagres no Santuário Nacional de Aparecida.

Milagre: A cura da menina cega


A cura da menina cega Visitar o Santuário Nacional de Aparecida é uma viagem emocionante, principalmente quando se entra na Sala dos Milagres, onde milhões de histórias de graças alcançadas se concentram.

O simples fato de olhar a Basílica, a primeira grande igreja erguida em Aparecida em devoção a Nossa Senhora Aparecida, também é motivo de milagre e foi o que aconteceu a uma menina cega que passava em frente à Basílica com sua mãe. Ao se aproximar, a garota disse “Mãe, como aquela Igreja é bonita”, e o milagre havia acontecido.

Milagre: Menino no rio

Milagre:Menino do Rio Um rio que pode trazer a salvação por meio do encontro de uma imagem, também pode trazer o risco da morte. Foi o que aconteceu na história de mais um milagre de Nossa Senhora Aparecida.

Um dia, pai e filho foram pescar. A correnteza estava muito forte, o que faz com que o filho, que não sabia nadar, caísse no rio e fosse levado cada vez mais rápido.

O desespero do pai levou-o a rezar a Nossa Senhora Aparecida. E mais uma vez a “Mãe negra” ouviu: o corpo do garoto, de repente, parou de ser levado, mesmo com a correnteza ainda forte, até que o pai pudesse chegar perto e salvar o filho.

O caçador


O caçador Voltando de um dia negativo de caça, um caçador viu-se em uma situação perigosa: deparou-se com uma enorme onça. Sem munição, porque havia usado tudo em suas tentativas frustrantes ao longo do dia, o homem ajoelhou-se, rezou e foi atendido: a onça, que antes parecia ter um alvo certeiro, desviou-se e foi embora.


Oração a Nossa Senhora Aparecida

Ó incomparável mãe Nossa Senhora da Conceição Aparecida,
Mãe de Deus, Rainha dos Anjos, Advogada dos pecadores,
Refúgio e consolação dos aflitos e atribulados...
Nossa Senhora Aparecida,
cheia de poder e de bondade,
lançai sobre nós um olhar favorável,
para que sejamos socorridos por Vós,
em todas as necessidades em que nos acharmos.

E de modo particular hoje, nesta novena, faço meu pedido
(diga agora sua intenção)

Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil
Livrai-nos de tudo o que possa ofender-Vos
e ao Vosso Santíssimo Filho Jesus.
Nossa Senhora Aparecida, preservai-nos de todos os perigos da alma e do corpo,
Dirigi-nos em todos os assuntos espirituais e temporais,
Livrai-nos da tentação do demônio,
Para que, trilhando o caminho da virtude,
Possamos um dia ver-Vos e amar-Vos
na eterna glória.

Nossa Senhora Aparecida rogai por nós.
Nossa Senhora Aparecida intercedei por nós.
Nossa Senhora Aparecida fazei-nos dignos das promessas do Teu Filho.
Amém.

Consagração a Nossa Senhora Aparecida
Ó Maria Santíssima, que em vossa querida imagem de Aparecida espalhais inúmeros benefícios sobre todo o Brasil, eu, cheio (a) do desejo de participar dos benefícios de vossa misericórdia, prostrado (a) a vossos pés consagro-vos meu entendimento, para que sempre pense no amor que mereceis.

Consagro-vos minha língua, para que sempre vos louve e propague vossa devoção. Consagro-vos meu coração, para que, depois de Deus, vos ame sobre todas as coisas.

Recebei-me, ó Rainha incomparável, no ditoso número de vossos filhos e filhas.

Acolhei-me debaixo de vossa proteção. Socorrei-me em todas as minhas necessidades espirituais e temporais e, sobretudo, na hora de minha morte. Abençoai-me, ó Mãe Celestial, e com vossa poderosa intercessão fortalecei-me em minha fraqueza, a fim de que, servindo-vos fielmente nesta vida, possa louvar-vos, amar-vos e dar-vos graças no céu, por toda a eternidade. Assim seja!

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Vender a alma ao diabo


Crônica do meio-dia

Hélcio silva

(11/10/2017)

Leio o artigo do jornalista Sebastião Nery com o título que contradiz a nossa República: “NÃO HÁ REPUBLICA SEM HOMENS HONESTOS”.

Agamenon Magalhães, governador, ministro, patriarca de Pernambuco, era um político sábio: - “O homem público no poder não compra, não vende, não troca”.

Assim, Sebastião Nery começa seu artigo conforme acima escrito... e que se acha, também, publicado em meu blog...

Lembrando tempos anteriores ao golpe militar de 64, momentos efervescentes da luta política, em que, ainda jovem, assisti a um comício político na praça da Alegria, onde oradores de expressão nacional faziam brilhantes discursos, época em que se pontuavam grandes oradores. E lá estava - lembro bem - Seixas Dória... Fazia parte de um grupo de grandes tribunos: gênios da palavra!

O Seixas era de invejável poder de oratória. De lá de Propriá, foi governado de Sergipe. Como deputado federal, organizou, com outros parlamentares, a Frente Parlamentar Nacionalista.

Vou fazer uma paradinha na história do Seixas!

Volto à afirmação de Agamenom: “O homem público no poder não compra, não vende, não troca”...

Leio a frase com olhos fixos!... Lembro-me dos dias que hoje.

Hoje é tudo tão diferente!... Tem venda, tem troca e compra de tudo: a política virou uma feira livre de compra e venda.

E vejo, ouço e leio a feira livre do presidente comprando deputado para se livrar de processo... São muitas as denúncia nesse mercado. Pensam eles que, assim, podem limpar suas almas.

Que vergonha!... Mas todos, nesta feira imoral, venderam a alma para o diabo...

Estarão todos no inferno!

NÃO HÁ REPUBLICA SEM HOMENS HONESTOS


Sebastião Nery

Agamenon Magalhães, governador, ministro, patriarca de Pernambuco, era um político sábio:

- “O homem público no poder não compra, não vende, não troca”.

Outro sábio, Ortega y Gasset, filósofo espanhol, em 1921,

perplexo diante do desfibramento da política e da sociedade espanhola, escreveu “Espanha Invertebrada”, sobre os rumos e o futuro da Nação:

- “Uma sociedade míope agrava a enfermidade pública, prestigiando políticos sem virtudes que impõem as suas vontades e interesses em detrimento dos verdadeiros valores nacionais”.   

Roberto D’Ávila com seu talento e competência profissional, entrevistando Lula, na Globo News, tentou tirar leite das pedras, extrair alguma luz de uma cabeça de bagre. A entrevista foi um descalabro. Uma aula torta de como mentir. Podia ter encerrado a conversa relendo relatório da Polícia Federal, publicado na “Folha de S. Paulo” que lista as 15 empresas da família Lula.

DORIA, ATÉ QUANDO O POSTE FICA ACESO?


Jorge Oliveira

Rio - O João Doria chegou agora e já quer o lugar da janela. Ele tem todo direito de ser candidato a presidente da República, a exemplo de outos bufões que passaram por Brasília. Só não deve é chutar o pão da barraca desrespeitando aliados políticos e abandonar São Paulo, traindo os eleitores que o conduziram a prefeitura no primeiro turno das eleições de 2016. Ao chamar Alberto Goldman de “improdutivo”, político que “vive de pijama”, Doria mostrou que desconhece a trajetória de homens como Goldman, referencial na história política do país. Mostrou-se arrogante, prepotente, desrespeitoso e intolerante com as críticas que vem recebendo de aliados por ter abandonado a prefeitura para sair por aí em campanha para presidente.

As pedras de Upaon-Açu

Crônica do amanhecer

Hélcio silva

(11/10/2017)


Sentado numa delas reflito o dia de hoje. Olho para o infinito e não vejo o fim. Por que será que o infinito não tem fim?... E o horizonte se fecha num fim imaginário!

Dores da alma refletem sofrimento ao corpo: a alma não sofre só, divide o sofrimento..., e o corpo vira caixão de pancada.

Uma criança passa com sua beleza infantil, em belo sorriso que te faz animar!

As crianças são puras! Criaturas infantis de Deus!...

Abro a porta da realidade de hoje! O que tem além desta porta que se abre diante de mim?

Vejo um show de impunidade e corrupção!

O País virou um País corrupto, em obras de homens corruptos..., de homens corruptos que deveriam ser homens de bem, do bem e para o bem.

Converso com as pedras de Upaon-Açu: elas choram mais do que eu!

Vejo as manchetes dos jornais de hoje: STF decide hoje situação de Aécio Neves... Policia faz busca por drogas na casa do filho de Lula...

Paro! Não quero mais ver as outras demais manchetes de hoje!

Sinto a revolta das pedras!

Todas revoltadas com a corrupção!... Até as poeiras estão revoltadas contra políticos corruptos!

Um presidente que compra deputados para se livrar de processos... Que pena!

As denúncias são muitas...

Um país em que um criminoso deseja que o juiz que o julgou lhe peça desculpa!

E ainda assim, apesar da nossa luta, os corruptos continuam no comando da Nação...

Que País é este?!...

terça-feira, 10 de outubro de 2017

"Extinção do foro privilegiado urge", afirma ministro Fachin


Relator dos processos da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Edson Fachin afirmou nesta segunda-feira (9) que cabe ao Poder Judiciário fazer valer a Lei Penal igual para todos.

“O foro privilegiado é uma exceção não justificada no sistema republicano e sua extinção urge!”, declarou o ministro, durante o 6º Fórum Nacional de Juízes Federais Criminais (Fonacrim), no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

TÔ LASCADO, DIZ LULA...

Somente agora ele percebeu que está lascado!... Mas não percebeu que lascou com o Brasil, responsável primeiro por tudo o quanto estamos passando: um cara de pau!... 
Aliou-se às elites e quebrou o Brasil... Aliou-se a políticos corruptos e enganou o povo.... Cara de Pau!

Logo no final da madrugada, escutei a notícia com a choradeira de Lula afirmando estar lascado... No amanhecer li este texto do Estado:

Condenado a 9 anos e 6 meses de prisão em primeira instância, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a desafiar ontem seus acusadores a ver o que acontecerá no País se o impedirem de ser candidato à Presidência em 2018. “Eles agem todo santo dia para me tirar da disputa. Juntam meia dúzia de juiz e votam. Não me deixam ser candidato e pronto. Se eles acham que, me tirando da disputa, está resolvido o problema deles, façam e vamos ver o que acontece no País. Se acham que não vou ter força para ser cabo eleitoral, testem”, disse o petista em ato em defesa das universidades públicas em Brasília.

O ex-presidente afirmou ainda que está “lascado”, mas que espera um pedido de desculpas do juiz Sérgio Moro. “Não quero nem que o Moro me absolva, só quero que peça desculpas.” Muito aplaudido pela plateia, Lula prosseguiu em sua ofensiva contra a Lava Jato.

Em quase 40 minutos de discurso, ressuscitou o discurso do “nós contra eles”, disse não poder mais aceitar tantas “mentiras” e afirmou não ter medo da operação. Disse ainda que, se o objetivo da Lava Jato é não deixá-lo ser candidato, os investigadores não deveriam deixar “o povo sofrer” por causa disso.

Apesar de condenado no caso do triplex do Guarujá, ser réu em seis ações penais e estar denunciado em outros dois casos, o ex-presidente lidera as pesquisas de intenção de voto.

Acompanhado do ex-prefeito Fernando Haddad, Lula criticou o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), presidenciável em 2018. “Se o Bolsonaro agrada ao mercado, nós do PT temos de desagradar ao mercado.”

Recibos. Moro mandou ontem a defesa de Lula “esclarecer expressamente” se tem os originais dos recibos do aluguel do apartamento em São Bernardo do Campo (SP). O imóvel é vizinho ao de Lula e um dos pivôs da ação penal na qual o ex-presidente é réu por corrupção e lavagem de dinheiro na Lava Jato.

A defesa de Lula apresentou recibos de pagamento. Dois dos comprovantes, no entanto, têm datas que não existem no calendário. O advogado Cristiano Zanin Martins disse que “a perícia nos recibos vai demonstrar que eles são idôneos”.