Busca

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Arre Égua!... É a farra das passagens - Quase uma centena de deputados envolvidos

ATÉ A LUCIANA É DA LISTA...


Té tu, Lucianinha!!!
E o Ministério Público Federal (MPF) confirmou, na terça-feira (8), a denúncia contra 72 ex-deputados ligados ao escândalo conhecido como "farra das passagens aéreas". Entre os envolvidos cujos nomes constam em pelo menos um dos 28 inquéritos estão dois gaúchos: Beto Albuquerque (PSB) e Luciana Genro...
E o que a Luciana terá a dizer?

Arriba!...

Após 8 anos, o Ministério Público Federal denunciou 72 ex-deputados que gastaram, em média, R$116 mil em passagens aéreas, totalizando custos de mais de R$8 milhões. Os valores até são interessantes, mas irrisórios se comparados aos gastos anuais de mais de R$ 47,5 milhões dos deputados federais com passagens. Se incluir as diárias, que são associadas às passagens, somente em 2017 foram R$ 107,1 milhões.

Em 2017, até agora, o recordista em gastos com passagens aéreas é Vander Loubert (PT-MS): suas 364 viagens custaram R$ 309 mil.

No caso ocorrido há 8 anos, o MPF acusa o ex-deputado Henrique Lima de gastar R$ 245 mil na compra de 434 passagens.

Ilderlei Cordeiro, com 388 passagens a R$248 mil, e Nilson Mourão, com 355 bilhetes a R$229 mil, fecham o “top 3” da denúncia do MPF.

A ONG Política Supervisionada denunciou 178 parlamentares e 42 fornecedores suspeitos de irregularidades com passagens desde 2014.

Nenhum comentário: